Publicado em 07.03.2023
LOL: De olho em Mundial na Europa, Brasil abre qualificatória de maior torneio x1

Em edição histórica, Red Bull Solo Q libera as tropas para primeira classificatória, neste sábado (11). Inscrições estão abertas.

De olho em uma das vagas na fase mundial do maior torneio de LOL x1, o Red Bull Solo Q libera as tropas em todo o Brasil para a primeira qualificatória da competição. Em sua 10ª edição, que reunirá vencedores históricos, ícones do League of Legends de todos os tempos, Gaules e até mapa exclusivo, o campeonato upa de elo e celebra uma temporada especial em busca do ‘campeão dos campeões’.

Os fãs do game ainda podem se inscrever por meio do https://www.redbull.com/br-pt/events/solo-q-brasil . 

Campeões brasileiros do evento, Mylon (2014), esA (2015), Gregio (2017 e 19), DAT BF (2018, 20 e 22) e Tadalol (2021) já estão confirmados na grande decisão. Logo, as três vagas remanescentes serão disputadas entre amadores, por meio de qualificatórias, a partir deste sábado (11). A segunda seletiva, com somente um lugar na finalíssima, será no dia 18. Os confrontos vão ocorrer na rota do topo de Summoner’s Rift. O modo de jogo do Red Bull Solo Q é o x1, com blind pick: vence aquele que derrotar os adversários por first blood, creep (minion) score de 100 ou ao destruir a torre do adversário. 

Esse novo formato vai elevar o nível da competição. Terei a oportunidade de me consagrar ainda mais como o maior campeão, ampliando a vantagem para o Gregio. E não deixar que igualem os meus três troféus é uma motivação a mais”, afirma Felipe ‘DAT BF’ Gonçalves, tricampeão do evento. “Esse torneio sempre deixou uma marca positiva na minha vida. A atmosfera é incrível, experiência inigualável. Conheci muitas pessoas especiais, fiz amizades e, claro, competi diante de jogadores absurdamente bons que, para quem curte se desafiar, é tudo o que podemos querer”, completa o xará de brTT. 

Na grande decisão, os players trocam de mapa e vão a Howling Abyss, do modo ARAM. A definição dos vencedores também será diferente, podendo ocorrer em: primeiro que eliminar o oponente duas vezes antes da marca de sete minutos; abater o oponente após a marca de sete minutos (terá um círculo de chamas que chega a este ponto); ou o primeiro que derrubar a torre do adversário. 

O vencedor do Red Bull Solo Q irá faturar o título brasileiro, troféu personalizado e ainda carimbará o passaporte visando ao Mundial, em Londres, no mês de maio, assim como outras premiações especiais. 

Gaules no LOL, ícones confirmados e premiação 

De modo a celebrar um dos mais antigos torneios de LOL no Brasil, que já transformou amadores em pro-players, como são os casos de Victor ‘Vitin’ Ruiz e Júlio César ‘NOsFerus’ Cruz, e até mostrou como é o dia a dia dentro de uma Gaming House, em uma série guiada por brTT e pbo, o Red Bull Solo Q contará também com um dos idealizadores do formato competitivo: o streamer Gaules que, em 2013, auxiliou na organização do torneio.

Fico muito de feliz de acompanhar e ver o surgimento de vários jogadores e personalidades a partir Red Bull Solo Q. Pra mim é uma satisfação imensa ter feito parte disso lá no começo e espero que não só quem jogou, mas quem sempre acompanhou, tenha se divertido e gostado. Espero que a gente tenha duelos muito bons, cheios de emoção, e que seja uma grande festa nessa 10ª edição”, afirma Gaules.

Já Takeshi, Schaeppi e Rafa, as vozes da emoção do LOL, também estão garantidos na transmissão ao vivo. Além deles, ex-pro-players, casters e streamers estarão presentes para ver quem será o ‘campeão dos campeões’. Em 2023, o Red Bull Solo Q conta com apoios de Agon by AOC e FURIA.

Post arquivado em Games