Publicado em 27.02.2024
De um silêncio forçado à explosão de sentimentos em forma de música, Julia Levy celebra

A paixão de Júlia Levy pela música vem da infância. Mas a coragem de enfrentar suas inseguranças e transformar esse sonho em carreira só foi possível após um acidente que lhe tirou a voz.

Desde criança, influenciada pelo pai, uma boa trilha sonora era parte essencial de sua rotina. Aos treze anos começou a fazer aulas de canto e encontrou na música não apenas um hobby, mas uma maneira de expressar seus sentimentos. O chuveiro era seu palco privado, onde ela ousava compartilhar alegrias, amores, raiva e tristeza.

Nos estudos, Júlia trilhou caminhos diversos. Graduou-se em design de moda, mas não se via completa trabalhando na área. Mudou-se para Los Angeles para estudar teatro, outra grande paixão, na Barron Brown Studio. Lá ela dividia sua rotina entre a atuação e um estágio remoto na área de análise de investimentos, o que a motivou a retornar ao Brasil para se especializar. Pós graduou-se em administração de empresas no Insper e foi trabalhar no mercado financeiro.

No início de 2020, Júlia não imaginava que sua vida estava prestes a sofrer uma reviravolta. Um acidente de surfe, que resultou em uma paralisia na prega vocal, a deixou completamente sem voz e sem saber se ela voltaria. Foram três meses intensos, de angústia e incerteza. Foi ali que ela percebeu o quanto sua voz e expressão eram importantes para ela. “A única coisa que eu pensava era: se algum dia minha voz voltar, vou fazer de tudo para usá-la da melhor forma possível”.

Após uma cirurgia e muita fototerapia, sua voz começou, aos poucos, a voltar. Contudo, a experiência de incapacidade de se comunicar através do som foi um divisor de águas em sua vida, transformando a angustia em oportunidade para seguir seu maior desejo: cantar.

“Não tinha como continuar sendo a mesma pessoa, com a mesma mentalidade, depois daquilo. O período sem conseguir falar mexeu muito comigo, e conforme minha voz foi voltando, senti uma necessidade visceral de usá-la para valer, dizer o que tenho a dizer para o mundo.

Júlia largou tudo para cantar. De início não sabia como o faria, mas as coisas foram acontecendo organicamente até o momento em que foi viável de fato deixar o trabalho em investimentos para se dedicar 100% ao seu sonho.

Em 2023 Júlia Levy lançou seu primeiro trabalho musical, um EP de releituras de grandes sucessos nacionais e internacionais, intitulado “Luz”, que traduz seu olhar sobre a força do feminino. Além disso, dedicou-se na gravação de suas primeiras canções autorais, onde suas experiências se tornam letras, que serão lançadas no próximo dia 29 de fevereiro, no Whiplash, São Paulo.

Estou bastante animada. Primeira vez que apresento algumas das minhas músicas autorais em um show. Além delas, o show conta com um repertório bem eclético, onde a alma do Jazz se mistura com releituras de clássicos do Rock e Pop”.

Sua música é uma expressão visceral que ecoa não apenas nos ouvidos, mas ressoa na alma e nutre a vida. A voz, para Júlia, é um instrumento interno que transcende as notas musicais. Cada acorde é um eco de suas emoções.

Julia compartilha essa história como uma oportunidade da vida e para que outros persigam seus sonhos sem esperar por um teste do destino. Para ela, nunca é tarde para ser autenticamente quem somos. Em suas melodias, encontramos uma tocante história de superação, autoaceitação e o resgate da verdadeira essência.

Show Julia Levy – Voz e Emoção
Data: 29 de fevereiro (quinta-feira)
Local: Whiplash Bar, Dr. Melo Alves 74 – Cerqueira Cesar , São Paulo/SP
Horário : Abertura da casa 19h |Início do show 21h
Ingresso R$ 90,00 (+ R$ 9,00 taxa )

https://www.sympla.com.br/evento/julia-levy-voz-e-emocao/2334347

Post arquivado em Música Brasileira, Notícias